A Autobiografia do Pensamento. A Ciência da Lógica de Hegel
  

D. Ferrer, F. Orsini, M. Bordignon, A. Bavaresco, C. Iber. (Organizadores)

Se a Ciência da Lógica deve ser lida como o lugar de uma inigualável exposição crítica das categorias da metafísica ocidental desde Parmênides, como um discurso ontológico do ser sobre si mesmo na sua totalidade, imanente ao mundo natural e ao mundo histórico, então a decisão do título do Colóquio (A Autobiografia do Pensamento) dá voz à sugestão de que a lógica, como teoria conceptual do pensamento, é inevitavelmente uma ciência reflexiva, ou especulativa, na terminologia hegeliana. Assim como numa autobiografia o tema da narrativa é também o seu autor, a Lógica hegeliana é o pensamento acerca de si próprio, onde objeto e sujeito da narrativa coincidem, num processo de auto-explicação do puro pensar. A vida do pensar que a Ciência da Lógica procura apreender em pensamentos não é apenas uma pura categoria sem história, tampouco um horizonte de problemas restritos ao espírito do tempo de Hegel. A vida em questão inclui a sobrevivência ou continuidade de vida que essa obra experimenta enquanto possibilidade aberta de recriação por parte das gerações posteriores até o presente.

370p.

ISBN:  978-65-87424-10-1

DOI: 10.36592/978-65-87424101